COL proibe a caxirola na Copa das Confederações

Instrumento musical criado por Carlinhos Brown para ser um símbolo da Copa de 2014 foi vetado pelo COL por questões de segurança

Por: Alexandre Guariglia

A intenção do Governo brasileiro de introduzir as caxirolas nos estádios durante a Copa das Confederações foi colocada por terra quando o diretor de segurança do Comitê Organizador Local (COL), Hélio Medeiros, disse que será proibida a entrada de torcedores com qualquer instrumento musical, incluindo o artefato criado por Carlinhos Brown. Tudo isso por motivos de segurança. Recentemente, na Fonte Nova, torcedores do Bahia atiraram o objeto em campo como forma de protesto pela atuação de seu time. Imagina se fosse na Copa…

Carlinhos Brown criou a caxirola que foi apoiada pelo Governo brasileiro (Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/ABr)

Carlinhos Brown criou a caxirola que foi apoiada pelo Governo (Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/ABr)

O episódio ocorrido no jogo entre Bahia e Vitória, válido pelo Campeonato Baiano, foi a gota d’água para que o COL tomasse a decisão de vetar os brindes nas partidas da Copa das Confederações, que terá início no dia 15 de junho. Na ocasião, a caxirola virou uma arma na mão daqueles que se mostraram insatisfeitos com o resultado do duelo. Nada que não pudesse ocorrer em partidas de competições de maior importância.

De uma forma ou de outra, podemos pensar que os idealizadores do instrumento se basearam nas vuvuzelas, destaques da Copa de 2010, para levar esse plano à frente. Na África, a corneta é uma tradição da população, já estava na cultura local antes de a Copa chegar por lá. Nada foi imposto, apenas utilizaram de um aspecto singular que chamaria atenção durante o evento. Exatamente o contrário do que tentaram fazer por aqui.

Se o objeto fosse mesmo utilizado de forma violenta, não seria total culpa dos torcedores. A violência já parte daqueles que tentam impor uma situação que não é costume daquela comunidade. Os apaixonados por futebol nascidos no Brasil não são obrigados a absorver uma tradição de fora para deixar a arquibancada mais exótica, mais chamativa, mais sonora…

Não precisamos disso. Somos um povo único sem precisar de outros ingredientes. Façamos a Copa sem caxirolas, valorizemos os brasileiros como são, não como queriam que fôssemos.

Advertisements
This entry was posted in Copa das Confederações 2013, Copa do Mundo 2014 and tagged , , , , . Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s